Solução

Tecnologias de acesso: como funcionam os cartões de acesso de segurança?

tecnologias-de-acesso-como-funcionam-os-cartões-de-acesso-de-seguranca
Escrito por Lazaro Vergani

O vazamento de dados tornou-se uma das maiores preocupações das empresas no século XXI. Ao mesmo tempo em que as ameaças têm sido mais frequentes, os vazamentos também têm se tornado mais caros. Uma pesquisa encomendada pela IBM ao Instituto Ponemon revelou que o prejuízo médio de empresas com informações estratégicas que acabaram vazando cresceu 29% entre 2014 e 2016, atingindo U$S 4 milhões.

Mas engana-se quem pensa que esses vazamentos só ocorrem por roubos de dados na nuvem ou por meio de ações hackers. Uma segurança falha que não impede o acesso de pessoas não autorizadas a determinadas Áreas estratégicas da sede da corporação também é uma das causas desses incidentes.

No texto de hoje vamos mostrar como funciona a tecnologia de acesso, como os cartões de acesso, e as suas vantagens (que vão além de promover a segurança) para as empresas. Boa leitura!

A importância do bom controle de acesso

O controle de acesso é um mecanismo adotado quando é preciso limitar a entrada de pessoas a um determinado lugar. Isso não se resume à  questão da segurança de dados, como dissemos no início deste texto, e pode ser adotado nos mais diversos tipos de estabelecimento.

Em um hospital, não é interessante que qualquer pessoa tenha acesso ao local de armazenamento de medicamentos ou à  sala de cirurgia. Em uma empresa que lida com tecnologia é preciso evitar que visitas ou pessoas estranhas a aquele ambiente corporativo tenham acesso ao data center.

O que são cartões de acesso de segurança

Há uma série de mecanismos para fazer controle de acesso a um determinado local: biometria, senha numérica, reconhecimento de Íris e sensor de presença são alguns deles. Mas os cartões de acesso de segurança talvez sejam os modelos mais comuns.

Semelhantes aos cartões de crédito, possuem tarja magnética para armazenamento de informações pessoais do usuário como o nome completo, um número de identificação e até o nível de segurança ao qual ele poderá acessar.

Os cartões de acesso podem ser de 3 tipos e sua utilidade varia conforme a necessidade:

  • Inserção: o usuário deve inserir o cartão total ou parcialmente em uma catraca para acessar o local.
  • Swipe: comum em registro de pontos eletrônicos, esse cartão deve ser deslizado em uma fenda, que faz a leitura dos dados do usuário.
  • Proximidade: são utilizados, por exemplo, para acesso a meios de transporte público em que o passageiro encosta o cartão em um leitor.

Vantagens dos cartões de acesso de segurança

Aumento do controle hierárquico

Nas empresas, é comum que somente a chefia tenha acesso a um determinado setor da empresa, considerado estratégico. Essa restrição de acesso serve não são para limitar o acesso de pessoas de fora da empresa a esses setores, mas também para criar uma diferença  hierárquica na própria companhia.

Maior facilidade na gestão de pessoal

O armazenamento de dados no cartão de acesso de segurança como nome completo do funcionário e número de matricula serve também para controle do departamento pessoal da empresa. Com ele é possível monitorar horários de entrada e saída das dependências da firma e, dessa forma, calcular o número de horas trabalhadas.

Você conhece como funcionam as tecnologias de acesso e tem dúvidas sobre como elas podem ser implementadas em uma empresa? Deixe um comentário neste post e acompanhe a discussão. Até a próxima!

Este é um guest post da Info Kings

 Faça parte da maior comunidade de segurança eletrônica do Brasil!

Assine nossa Newsletter e receba conteúdos com as melhores dicas e notícias sobre o Mercado de Segurança Eletrônica.

Sobre o autor

Lazaro Vergani

Deixar comentário.

/* ]]> */