Dicas Vendas

Guia de Marketing Digital Para Profissional de CFTV

guia-de-marketing-digital-para-profissional-de-CFTV-810x540px
Escrito por Lazaro Vergani

Marketing digital é a divulgação para comercialização de produtos e serviços por meio de internet, telefonia móvel e outros meios digitais.

Parece simples, mas essa frase pequena e despretensiosa resume um verdadeiro universo de ferramentas, plataformas e estratégias para que tenhamos sucesso deste tipo de divulgação.

Claro que você profissional de CFTV já tem sua estratégia de marketing em atuação. Seus cartões de visitas estão nas mãos das pessoas certas, o sua reputação boca a boca é ótima reflexo do seu trabalho e às vezes você dá uma impulsionada com algum evento ou panfletagem.

Tenho certeza que tudo isso é incrivelmente importante e os resultados são claros para você, e digo mais, nunca pare com sua estratégia de marketing offline, ela funciona.

Mas agora vamos te apresentar uma maneira um pouco diferente de fazer marketing e pode ter certeza que ao final deste texto você profissional de CFTV vai estar preparado para começar a planejar sua estratégia de marketing digital.

Agora antes de falarmos sobre conceito, estratégia, ferramentas ou qualquer outra coisa, vou falar o principal benefício do marketing digital para você instalador de CFTV.

Através do marketing digital você consegue saber exatamente o que dá certo ou errado em sua estratégia.

 

Métricas do Marketing Digital    

As métricas do marketing digital são as ferramentas que usamos para saber exatamente o que está acontecendo com nossa campanha de marketing.

Quando entregamos cartões em uma reunião de condomínio é difícil saber se alguém leu as informações e guardou o cartão.

Sabemos que isso acontece pelo retorno que temos posteriormente.

De 1000 cartões quantos foram lidos e quantos guardados?

Essa é uma das vantagens que o marketing digital consegue de proporcionar, todo texto ou imagem que você veicula em um meio digital vai te trazer os números de desempenho.

Através destes números podemos calcular o ‘ROI’ que é “Return over Investment”   ou Retorno sobre Investimento. Parece uma coisa complicada mas na verdade é bem simples.

Em seus produtos ou serviço quanto está disposto ou julga possível gastar em marketing? Vamos usar neste nosso exemplo o número de 10%.

Então 10% de minhas vendas são investidas em marketing. Para que minha campanha de marketing seja um sucesso a cada R$100,00 investido eu preciso de um faturamento de R$1000.00.

Pronto o cálculo de nosso ROI está feito, porém cada estratégia, plataforma e formato de mídia (vídeo, texto ou imagem) vai te fornecer números diferentes.

Papel do Persona no Marketing Digital

Se quiser pegar seu caderno e começar a traçar sua estratégia de marketing digital esse é o primeiro passo. Persona é uma expressão muito conhecida no meio do marketing digital, ele é um personagem fictício que vai representar os aspectos mais importantes do cliente que você quer atingir.

Uma empresa de CFTV tem muitos personas, uma mãe preocupada com o filho pequeno, o síndico de um condomínio atrás do melhor custo benefício ou o Pai querendo proteger sua família e seu patrimônio.

Uma dica é comece pelo persona mais comum aquele que você melhor conhece e para traçar seu persona faça 8 perguntas que separamos aqui:

 

  1. Qual seu sexo?
  2. Qual sua idade?
  3. Qual sua estrutura familiar?
  4. Seu cargo profissional?
  5. Seu maior problema?
  6. Qual o seu maior objetivo?
  7. Como ele se enxerga?
  8. Por que ele ainda não comprou na sua empresa?

É através dessas perguntas que você vai descrever seu persona, mas realmente o descreva não use apenas números, pessoas não são números elas são mais que isso os resultados do marketing são números mas as campanhas são humanas. Vamos lá ver um exemplo de persona:

“ Lucas tem 32 anos (use sempre  a média dos dados de seu persona) é casado e tem 2 filhos, um casal.

Ele é coordenador de uma equipe de técnicos em segurança eletrônica. Lucas às vezes viaja a trabalho e se preocupa com a segurança de sua família quando está ausente. Lucas está se qualificando para ser promovido e não ter mais que viajar, crescer profissionalmente e financeiramente, ele sabe que tem potencial para isso. “

Pronto acabamos de conhecer Lucas nosso persona, as respostas da 8 questões estão neste pequeno texto e é a partir daí que vamos começar a nossa estratégia de marketing.

Vimos que a maior preocupação do Lucas é sua família, porém o objetivo do persona neste momento é crescimento profissional através de qualificação e provavelmente ele ainda não é seu cliente pela falta de condições para investimento financeiro. O que uma primeira campanha de marketing para Lucas tem que ter é:

 

  • Proteção para a família
  • Tranquilidade para que ele foque nos estudos
  • Um valor acessível ou uma boa opção de parcelamento

 

Esse foi um pequeno exemplo de como traçar seu persona e usar suas informações para compor sua campanha de marketing.

Você profissional de CFTV com toda sua experiência deve saber mais questões importantes para traçar seu persona, quanto mais questões mais completa será suas campanhas de marketing.

Qual a Melhor Estratégia de Marketing Digital?

Você que leu este post até agora já sabe o que é ROI (Retorno sobre Investimento), e já aprendeu a criar seus personas, tenho certeza que agora é um profissional de CFTV que sabe mais de marketing digital que a maioria.

Antes de falarmos de redes sociais e Google  que são as estrelas do marketing digital, vou te apresentar dois personagens importantes o Outbound e o Inbound Marketing, acredite você vai querer saber sobre eles.

 

  • Outbound Marketing

O Outbound Marketing é a forma ativa de marketing digital. O Outbound Marketing também é conhecido como marketing de interrupção, claro que na internet a interrupção não é tão abrupta como na televisão que um programa é interrompido para um comercial longo e tedioso.

Podemos resumir o Outbound Marketing como anúncios que são financiados para aparecer no topo de pesquisas ou na timeline de sua rede social .

As redes sociais, Google (ou qualquer outro buscador) e os profissionais de marketing, estão cada vez mais eficientes em tornar essa interrupção do Outbound marketing mais suave para que o usuário não vá simplesmente embora para outro site, como acontece na televisão que tem uma grande queda na audiência nos comerciais.

Por isso os anúncios são sempre mostrados para pessoas que demonstraram algum interesse nos produtos ou serviços oferecidos e de maneira cada vez menos invasiva.

No Google os anúncios aparecem como resultados de sua pesquisa apenas com um pequeno aviso de ‘anúncio’ na parte inferior. E nas redes sociais anúncios aparecem como se fossem postagens de outros usuários.    

 

  • Inbound Marketing

O Inbound Marketing é conhecido como marketing de atração, ele visa trazer os usuário até você ao invés de pagar anúncios para correr atrás deles.

O conceito de marketing de atração já existe muito tempo antes da internet e é usado com muita eficiência até hoje um dos exemplos mais geniais são as receitas no verso de produtos culinários.

Nenhum cliente precisa comprar o produto para ler a receitas no verso das embalagens eles simplesmente leem as embalagens na prateleira do supermercado. Mas eles compram o produto pelo resultado saboroso que ele vai proporcionar.

O Fabricante com as receitas no verso de uma embalagem está atraindo o consumidor, lhe passando uma informação de utilidade real e fazendo a promoção de seu produto ao mesmo tempo.  

Neste exemplo que vimos consiste os pilares fundamentais do Inbound Marketing que é.

 

  • Produza conteúdo de interesse do seu Persona
  • Conteúdo que realmente vá ajudar o Persona (não encha linguiça jamais)
  • Mostre como seu produto pode fazer parte da solução

No marketing digital o Inbound marketing pode ser feito através de formatos vamos ver as principais.

 

  • Textos (Blog ou Ebook)
  • Vídeos (Canal no Youtube)
  • Imagens (Organogramas, Diagramas ou gráficos)

Qual é melhor Outbound ou Inbound?

A resposta para esta pergunta é bem simples, não existe uma opção melhor que a outra. O ideal é sempre trabalhar com todas as opções.

O Outbound Marketing (Anúncios patrocinados) funciona muito bem para atrair os visitantes para o site de sua empresa, e ele vai funcionar até o momento que você parar pagar. Se acabar o investimento financeiro acabou as visitas, curtidas, seguidores e tudo mais.

O que vai fazer sua audiência continuar com sua empresa é o que você produz para eles que é o Inbound Marketing, são sua dicas e tudo que você pode agregar em seu dia a dia.

Agora que você já entendeu o que é ROI, sabe traçar o seu persona e é um expert em Outbound marketing está preparado para saber como funciona;

Anúncios no Google e Facebook

Vamos aprofundar um pouco mais sobre o Outbound Marketing que são os anúncios. O Google e redes sociais são verdadeiros anabolizantes para suas campanhas de marketing.

 

Anúncios no Google

O Google nos Estados Unidos sabe onde cada usuário vai jantar daqui 30 dias com 97% de precisão. Com esse número dá pra ter uma noção do poder da ferramenta.

Para começar anunciar no Google você vai ter que percorrem um caminho o primeiro passo é criar uma conta no Google Ads que você pode criar clicando neste link

O Google oferece algumas opções de campanhas de marketing e vamos focar em 2 que são:

Anúncios no Campo de Pesquisas do Google  

Essa opção é extremamente indicada para empresas que oferecem serviços de instalação de CFTV, monitoramento entre outros.

Na criação do seu cadastro no Google Ads ele vai te induzir a criar sua primeira campanha, você não precisa ativar sua campanha logo de cara, uma dica nossa é estudar bastante a ferramenta antes de fazer um investimento.

Existem 3 pontos fundamentais que vão ser o sucesso ou não de sua campanha de marketing no Google Ads:

 

1º Palavras chave.

Quando criamos uma campanha de marketing podemos escolher palavras para que nosso anuncio apareça no Google, a escolha destas palavras são um ponto crucial de sua campanha. Tente imaginar como o persona iria pesquisar.

Estas palavras chaves podem ser termos compostos ou até mesmo frases como

 

  • Segurança eletrônica
  • Monitoramento de CFTV
  • Alarme residencial
  • A melhor empresa de CFTV

2º  Até onde você quer alcançar?

Uma empresa de segurança eletrônica que presta serviços tem uma limitação territorial. Seu anúncio deve ser vinculado apenas em locais onde consiga atender.

Durante a criação de anúncio do Google é facilmente configurado essa seleção demográfica.

 

3º Quanto pretende gastar  

Com o Google tem que fazer rir para rir, o investimento é diretamente ligado ao retorno que terá. Um ponto muito positivo é que o Google dá algumas opções para a cobrança ele pode cobrar por:

 

  • CPC ou custo por clique que é o mais comum (Toda vez que alguém clicar em seu anúncio será cobrado um valor)
  • Conversão que pode ser uma determinada ação do internauta como um compra online ou solicitar uma ligação.

Existem outras maneiras de cobrar pela sua campanha no Google mas estas são as mais comuns.

Uma escolha que o Google também permite é de quanto quer pagar por cada ação, quanto você quer pagar por cada clique ou conversão. Bonzinho o Google né? só que não, o Google te coloca em uma livre concorrência.

Se você opta por pagar R$0,50 na palavra CFTV e seu concorrente paga R$0,60, seu concorrente terá preferência e aparecerá o anúncio dele e não o seu.

A relevância de cada palavra, concorrência e valor médio pago pode ser estudado na Ferramenta Google  Keyword Planner .

 

Anúncios no Google Shopping

Anúncios no Google Shopping são indicados aos profissionais de segurança eletrônica que tem objetivo maior para vender produtos e não apenas prestar serviço.

Esses anúncios também são vinculados a pessoas que pesquisam no Google porém a forma de exibição deles é diferente. Eles exibem a imagens dos produtos com os valores e uma breve descrição.

Para conseguir fazer este tipo de anúncio é necessário além da conta no Google Ads uma conta no Google Merchant Center e ter lá seus produtos cadastrados.

Você pode optar pelo valor pago no clique por categorias de produtos como ‘Câmeras de Segurança’ R$0,75 ou ‘DVR’ R$1,20.

A principal diferença de configuração entre anúncios no Shopping ou no Campo de Pesquisa do Google é que no Shopping as palavras chave usadas são das descrições dos produtos.  

Anúncios no Facebook

Os anúncios no Facebook funciona de maneira semelhante com os do Google porém de forma mais simplificada.

Quando iniciamos a configuração de nossa campanha no Facebook a primeira informação que ele nos pede é qual o objetivo da campanha?

 

  • Visualização na Página
  • Curtidas
  • Interações
  • Seguidores
  • Vendas

Entre muitas outras, e a partir desta escolha o Facebook faz alguma pré configurações internas.

O próximo passo é selecionar o público alvo, o Facebook dá muitas opções para fazer isso você pode configurar:

 

  • Idade
  • Sexo
  • Localização
  • Interesses (existem uma infinidade de assuntos que o Facebook lhe sugere)

Dando sequência no anúncio você obrigatoriamente tem que escolher uma imagem para a campanha, lembre-se sempre do persona em qualquer escolha. Porém essa imagem deve ser aprovada pelo Facebook, leia as políticas da plataforma antes do anúncio.

Infringir as regras da plataforma pode acarretar punição até mesmo exclusões de páginas.

E por último faça seu pequeno texto que vai ser junto com a imagem e a proposta do anúncio responsável pelo clique ou não de seu persona.

O Facebook não permite a escolha do valor que será pago pelos cliques ou vendas ele dá apenas uma estimativa do valor cobrado por cada ação. E permite que você defina qual valor gasto diariamente e quantos dias durará a campanha assim como o Google.

 

Métricas do Google e Facebook

Será através das métricas que você vai conseguir calcular o ROI de sua campanha e saber a quantas anda seu sucesso como marketeiro.

Lembrando que o exemplo que damos lá em cima de cálculo de ROI não tem que necessariamente que ser daquela forma, principalmente no início do marketing de sua empresa.

Muitas empresas com estratégias vitoriosas investiram muito tempo e dinheiro em fortalecimento de marca sem colher frutos deste investimento no início e hoje faturam mais tendo que investir menos por terem marcas já conhecidas.

 

Mas e o Inbound Marketing Vale a Pena?

É claro que o Inbound Marketing ou Marketing de atração valem a pena, afinal você só depende dos seus anos de experiência e seu conhecimento como profissional de segurança eletrônica.

Se você leu este artigo até agora você não mede esforços para se tornar cada dia melhor e adquirir mais conhecimento. E Profissionais como você tem muito para compartilhar acredite.

Se sua empresa ainda não tem um site não perca mais tempo e junto com seu site construa também seu Blog onde você vai passar informações valiosas que vão ajudar seu Persona.

Afinal mostrando todo o conhecimento que tem sua autoridade como profissional de CFTV é reforçada e você sem dúvida conseguirá agregar mais valor em sua empresa e negócio.  

Ajudando seu persona você vai gerar um sentimento reciprocidade nele e será muito mais fácil vocês fecharem negócio.

Poxa esse artigo foi longo, mas temos certeza que conseguimos passar a mensagem e você profissional de segurança eletrônica já sabe por onde começar a planejar sua campanha de marketing digital.

Salve essa página nos favoritos de seu navegador e consulte ela quando tiver alguma dúvida, ou melhor pergunte no campo de comentários a Onix Security sempre vai estar aqui para responder você que é o nosso Persona.

 

Onix Security, Com a Gente Tudo é Mais Fácil!

Até Marketing Digital.


Sobre o autor

Lazaro Vergani

Deixar comentário.

/* ]]> */