Problema

Saiba como fazer a automatização de motor de portão

saiba-como-fazer-a-automatizacao-de-motor-de-portao.jpeg
Escrito por Lazaro Vergani

Nada mais conveniente e seguro do que comandar a abertura e o fechamento do portão da garagem por meio de um controle remoto. A automatização de motor do portão é medida mais barata e prática se não existe serviço de portaria próprio para controlar a entrada e saída dos moradores. É o caso da maioria das residências e prédios que tem garagens.

O portão eletrônico é indispensável nos nossos dias, não só porque evita que seja necessário sair do carro para abrir o portão, mas garante um controle de acesso, pois só quem tem o controle remoto pode acionar a abertura. Mas há alguns detalhes a serem observados na hora de automatizar o motor do portão, que são importantes para a durabilidade e boa funcionalidade do sistema.

1. Entendendo os diferentes tipos de portão

Há basicamente três tipos de portões: basculante, pivotante e o corrediço. Vejamos as características de cada um deles.

  • Basculante é o portão que tem seu movimento na vertical, subindo para abrir e descendo para fechar, como se fosse uma sanfona. Este portão é usado em locais com restrição de espaço e o automóveis passam por baixo do portão quando este está aberto.

  • O pivotante é aquele que abre em torno de um eixo, ou pivô, como uma porta comum ou a porta de um automóvel. É o tipo mais comum de portão devido a sua simplicidade. Pode ser uma peça única, como um porta convencional, ou de peças duplas, como aqueles antigas portinholas dos filmes de faroeste.

  • O portão corrediço é aquele em que a abertura e fechamento se dá quando portão desliza lateralmente sobre um trilho. É um tipo de portão muito robusto e de acionamento muito simples.

2. Escolhendo a automação para cada tipo de portão

Quando se decide fazer a automatização de motor de portão deve-se considerar principalmente três aspectos:

1) O tipo de portão, se basculante, pivotante ou corrediço;

2) O tamanho e peso do portão e

3) quantas vezes por dia o portão vai ser acionado.

Um revendedor especializado pode orientar e esclarecer quanto a estes aspectos. A compatibilidade do conjunto de automação com o portão é importante, por uma simples questão de custos, durabilidade e manutenção.

3. Correta instalação garante bom funcionamento

A instalação correta do sistema de automação é fundamental para o bom funcionamento do sistema de automação. O primeiro passo é providenciar um circuito elétrico independente para o motor do acionador. Isto para evitar que exista interferência tanto do motor em outros equipamentos da construção ou vice-versa. A manutenção também é muito facilitada quando há um circuito independente, pois o rastreamento de algum defeito elétrico torna-se mais rápido e seguro.

4. Compre produtos com garantia e procedência

É fundamental que a aquisição do sistema de automatização de motor de portão seja feita em um revendedor de confiança, com emissão de nota fiscal e garantia. A instalação também deve ser feita por instalador recomendado, com comprovada experiência. Dessa forma toda a facilidade, conforto e segurança do portão eletrônico poderá ser desfrutada sem dores de cabeça.

Gostou das dicas? Visite nosso blog e fique por dentro do mundo da automação.

Sobre o autor

Lazaro Vergani

3 comentários

Deixar comentário.

Share This
Navegação
/* ]]> */